Linkei Linkei
Você está no Blog

Considerações sobre relacionamento virtual

Publicação da pós-graduação Design Instrucional para Web

Hoje, com todas as tecnologias existentes e com a Internet, o aluno tem uma infinidade de opções e maneiras de criar seu conhecimento sobre diversos assuntos ou um assunto em específico, e pautar detalhadamente sobre o mesmo, ou seja, com isso o aluno deixa de ser um “coadjuvante” e passa ser o “ator principal” ou “protagonista”, ele não espera a informação chegar. Uma característica marcante do ensino virtual é a atitude participativa do aluno, que atua consideravelmente no processo educacional, fugindo da visão taylorista.

O aluno então é estimulado a criar e pensar mais, resolver problemas da sua maneira e por consequência aumenta o nível de questionamento e ajuda a contribuir com idéias inovadoras. É importante  no ensino a distância saber aproveitar ganchos de perfis de alunos no intuito de fazer uma adaptação personalizada, buscando um ensino mais dirigido, visando atingir da melhor maneira possível as necessidades de cada individuo. Habilidade esta que senão contemplada pode contribuir para o desinteresse levando a evasão e/ou até mesmo a desistência. “Portanto, colocar o aluno como principal ator do seu aprendizado é geralmente mais eficiente do que colocar o professor numa posição central.” (MALLARD, 2009)

Podemos analisar também que a relação afetiva em uma sala virtual impõe um rapport  diferente de uma aula ou conversa presencial, ou seja, geralmente não temos acesso às expressões e sentimentos de quem está do outro lado. Sendo assim, a comunicação deve ser clara entre as partes e também ser expressa da forma mais fiel possível a fim de revelar o que se está sentindo ou pensando. Hoje com a web,  um rol mais amplo de pessoas conseguem ter acesso a todo tipo de informações, ou em outras palavras, somos levados a saber o que o outro está dizendo ou tentando dizer, mais isto requer prática e habilidades pessoais.

Haja vista no curso de especialização, nosso grupo lança mão de todos os recursos possíveis para fazer com que a informação chegue a todos, quer seja por meio de Chat, correio, e-mail, MSN ou mesmo por mensagens enviadas a celular sms. Tudo isto em prol da melhoria e agilidade, além de contribuir para facilitar o aprendizado. Vale a pena sinalizar que e com isso também expressamos nossos sentimentos e afetividades.

Referências

  • A pluralidade cultural e a construção da identidade do professor: http://www.tvebrasil.com.br/SALTO/boletins2001/plc/plctxt1.htm
  • Educação a Distância: Uma Abordagem Centrada na Afetividade. Tese de Lauriza Quina Barreto do Nascimento
  • As categorias que definem a ocorrência de dialogo em Ambientes Virtuais de Aprendizagem. Rute Vera Maria Favero

Comentário