Linkei Linkei
Você está no Blog

Sociedade, Tecnologia e Educação a Distância

Na chamada "sociedade do conhecimento", onde o conhecimento é o principal recurso, a educação é fundamental para sobrevivência de um indivíduo no mercado de trabalho e para viver em sociedade, cuja dinâmica, exige do indivíduo uma educação continuada, para assim, adaptar-se as transformações econômicas, sociais, culturais e políticas, originadas pela evolução do pensamento e pelo impacto do desenvolvimento científico e tecnológico na sociedade (FILATRO, 2007).

A evolução tecnológica - ocorrida principalmente pela internet – aliada aos elementos expostos anteriormente, mudou a cultura das pessoas e criou novos problemas e mudança de paradigmas. Hoje os indivíduos já nascem e vivem sob a influência e benefícios da tecnologia.

Nesse contexto, a educação on-line, mediada pela tecnologia, ganha cada vez mais importância na busca de atender exigências individuais, profissionais e sociais (FILATRO, 2007).

Educação a distância via web

Bittencourt (1999) afirma que na economia baseada na informação e no conhecimento o modelo educacional tradicional precisa ser aperfeiçoado para aproveitar as vantagens do desenvolvimento tecnológico e suprir a necessidade de formação do homem moderno.

Nesse contexto, Bittencourt (1999) e Mebius (2005) concordam que a educação pela internet surge como forma de aperfeiçoamento do modelo tradicional, presencial. Segundo Mebius (2005), com a educação a distância é possível:

"diversificar e ampliar as ofertas de cursos para atender à maioria das necessidades atuais de formação e que se adaptem a contextos, níveis e estilos diferentes de aprendizagem. Além disso, pode-se atender a uma população numerosa, mesmo que dispersa geograficamente e oferecer àqueles que não puderam iniciar ou concluir sua formação uma nova oportunidade" (p. 78).

Mebius (2005) ainda destaca as vantagens da educação à distância pela internet:

"Pelo fato de se usar uma metodologia flexível na EAD, esta possibilita aos alunos – indivíduos geralmente adultos com autonomia suficiente para programar seu ritmo e forma de aprender – seguir seus estudos sem os requisitos rígidos de "espaço (onde estudar?), assistência e tempo (quando estudar?) e ritmo (a que velocidade aprender?) próprios da formação tradicional". Tal modalidade permite, ainda, a conciliação do estudo com o trabalho – o que faz com que as empresas invistam no desenvolvimento de seu capital humano sem redução da produção, bem como viabiliza a permanência do aluno em seu contexto familiar e de trabalho, possibilitando a formação em casa ou no trabalho, isto é, fora dos limites das quatro paredes da sala de aula (p. 78)".

As principais vantagens desse método de ensino e a essência dos benefícios apresentados por Mebius (2005) – aprendizagem sem limitação de tempo ou lugar - são percebidas na própria definição dessa modalidade de educação apresentada por Filtatro (2007):

"educação on-line é uma ação sistemática de uso de tecnologia, abrangendo hipertexto e redes de comunicação interativa, para distribuição de conteúdo educacional e promoção da aprendizagem, sem limitação de tempo ou lugar" (p.47).

No entanto, além das vantagens destacadas por Mebius (2005), surgem novos desafios e paradigmas na busca da utilização de tecnologias para contribuir no processo ensino-aprendizagem. Desafios e paradigmas pertencentes á área de design instrucional, que objetiva a promoção da aprendizagem, sem limitação de tempo ou lugar, e com o apoio de tecnologias (FILATRO, 2007).

Continue a leitura com o texto "Design Instrucional e a profissão de designer instrucional"

Referências:

Comentário